Lady Gaga adia turnê europeia por causa das fortes dores devido a fibromialgia

19 de setembro de 2017 - 81 visualizações

Lady-Gaga

Após cancelar sua participação do Rock in Rio 2017, Lady Gaga anunciou que vai adiar para 2018 o trecho europeu da turnê Joanne. Na última semana, a cantora anunciou que estava internada e que não se apresentaria no festival de música, por conta das fortes dores causadas pela fibromialgia, uma síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura.

As dores persistem e os médicos recomendaram repouso, conforme a cantora escreveu em um post no Instagram na madrugada desta segunda-feira (18). “[As dores] estão também me afastando da coisa que mais amo neste mundo: me apresentar para meus fãs. Espero poder voltar para a turnê em breve, mas preciso estar com meus médicos por enquanto para que eu possa estar forte e me apresentar para todos vocês pelos próximos 60 anos ou mais’”.

Um comunicado oficial, também publicado na página da cantora, explica que os shows na Europa serão adiados por causa das fortes dores que impactam sua habilidade na performance. “Ela está devastada por ter que esperar para se apresentar a seus fãs europeus”.

“Eu tenho sido sempre honesta sobre minha luta pela saúde física e mental. Tenho procurado por anos conseguir decifrá-la. Isso é complicado e difícil de explicar, e estamos tentando descobrir. Assim que eu me sentir fortalecida e pronta, vou contar minha história mais profundamente, e planejo fazer com força, não somente para aumentar a conscientização, mas para expandir as pesquisas para outros que sofrem com isso, então eu posso ajudar a fazer a diferença”, começou a cantora.

Além da explicação, Gaga fez um desabafo sobre críticas que tem recebido após relatar as dores.

“Eu uso a palavra ‘sofrer’ não por compaixão ou atenção, e tenho ficado desapontada com pessoas que, virtualmente, sugerem que estou sendo dramática, inventando tudo ou me fazendo de vítima para me livrar da minha turnê. Se você me conhece, você deveria saber que isso está longe de ser verdade. Sou uma guerreira”.

“Eu uso a palavra ‘sofrer’ não somente porque o trauma e a dor crônica têm mudado minha vida, mas porque eles estão me afastando de uma vida normal”, escreveu Gaga.

Na imagem postada com o texto, Gaga aparece fazendo uma oração. E, em outra foto, ela incluiu um comunicado oficial sobre o adiamento do trecho europeu da turnê Joanne.

“Gaga está sofrendo com severas dores que impactam em sua habilidade de se apresentar. Ela segue sob cuidados médicos que recomendaram o adiamento da turnê hoje pela manhã. Gaga está devastada por ter que esperar para se apresentar para seus fãs europeus. Ela planeja passar as próximas sete semanas trabalhando ativamente com seus médicos para a cura disso e de traumas passados que afetaram sua vida diária, e que resultam em severas dores físicas.

Ela espera dar para seus fãs a melhor versão do show que ela construiu assim que sua turnê for retomada”, informou o comunicado.

Segundo a agenda de shows no site de Lady Gaga, o retorno da cantora aos palcos deve acontecer em Indianápolis, nos Estados Unidos, no dia 5 de novembro.


Deixe seu comentário

Aceito os termos e condições

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: não serão tolerados comentários ofensivos, que vão contra a lei ou que não tenham o remetente identificado. Dê sua opinião com responsabilidade.