Mulheres que comem muito fast-food levam mais tempo para engravidar

16 de maio de 2018 - 92 visualizações

xhamburguer.jpg.pagespeed.ic.xWoJj7T0vN

Um estudo da Sociedade Europeia de Reprodução Humana e Embriologia revelou que mulheres que comem poucas frutas e muito fast-food levam mais tempo para engravidar e têm menor probabilidade de iniciar uma gestação em um período de um ano.

Ao analisar o impacto da dieta na infertilidade, os pesquisadores identificaram que, para as mulheres que consumiam menos frutas, o risco de não conseguir gerar um bebê passou de 8% para 12%. Já a ingestão constante de fast-food por quatro ou mais vezes por semana fez com que o risco de infertilidade passasse de 8% para 16%.

Segundo a pesquisa, mulheres que ingeriram frutas de uma a três vezes no prazo de um mês demoraram mais para engravidar na comparação com aquelas que haviam comido fruta três ou mais vezes por dia no mesmo período.

No total, foram analisadas 5.598 mulheres no Reino Unido, na Irlanda, na Nova Zelândia e na Austrália. As gestantes, que estavam na primeira gravidez, foram entrevistadas por parteiras que perguntaram sobre suas dietas. Entre as participantes, 94% não tinham recebido tratamento de fertilidade.

Foram considerados fast-food alimentos como pizza, frango frito, batata frita e hambúrguer, comprados em lanchonetes ou deliveries. Comidas como essas compradas no mercado e consumidas em casa não foram levadas em consideração.

Fonte: O Globo


Deixe seu comentário

Aceito os termos e condições

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: não serão tolerados comentários ofensivos, que vão contra a lei ou que não tenham o remetente identificado. Dê sua opinião com responsabilidade.