Grêmio

Mesmo desfalcado, Grêmio faz jogo seguro e derrota Vitória em Salvador

20 de julho de 2017

596feca91ff30-696x392

O Grêmio viajou para Salvador, onde enfrentou na noite desta quarta-feira, no Barradão, o Vitória. Ocupando a segunda colocação no Campeonato Brasileiro, o Tricolor entrou em campo seguro, na busca de mais uma vitória na competição. E foi exatamente o que aconteceu nesta 15ª rodada. Os gremistas venceram a equipe baiana pelo placar de 3 a 1.

O marcador foi aberto por Fernandinho, logo aos 8 minutos, em cobrança de falta; o atacante mandou no canto esquerdo de Fernando Miguel. O segundo gol chegou aos 43 minutos, resultado de mais uma grande jogada coletiva; Maicon acionou Pedro Rocha, que serviu Fernandinho – o atacante deu o passe dentro da área para Arthur, que mandou na saída do goleiro.

Já no segundo tempo, o Vitória conseguiu descontar aos 12’, com David. Mas não demorou muito e os gremistas responderam a altura. Aos 17 minutos, Everton fez boa jogada individual e rolou para Ramiro, que dominou e mandou uma bomba, sem nenhuma chance de defesa do arqueiro adversário.

Quanto as substituições: Lucas Barrios, Maicon e Pedro Rocha deram lugar a Everton, Jailson e Marcelo Oliveira, respectivamente.
Com a vitória, o Grêmio chega a 31 pontos no Brasileiro e segue na vice-liderança, encostando no líder, Corinthians.

Escalação: Marcelo Grohe, Edilson, Rafael Thyere, Kannemann, Bruno Cortez, Maicon, Arthur, Ramiro, Fernandinho, Pedro Rocha e Lucas Barrios.

Banco: Bruno Grassi, Leonardo Gomes, Geromel, Bressan, Bruno Rodrigo, Marcelo Oliveira, Kaio, Machado, Jailson, Lima e Everton.

O trio de arbitragem foi comandado por Pericles Bassols P Cortez, auxiliado por Clovis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite.


Luan e Michel são baixas no Grêmio diante do Vitória

19 de julho de 2017

LUAN-22-OUT

Luan, com desgaste físico, e Michel, com uma virose, não viajam com a delegação tricolor e desfalcam o Grêmio contra o Vitória nesta quarta, às 19h30min, em Salvador.

Outro atleta importante que não irá participar da partida de amanhã é Bolaños. De acordo com a assessoria de imprensa do clube, o equatoriano acusou dores no púbis e em razão disso permanecerá em Porto Alegre.

A boa notícia para Renato Portaluppi é a volta de Kannemann, que retorna ao time depois de cumprir suspensão automática na partida com a Ponte Preta no domingo.

Sobre a formação da equipe, Renato deve promover a entrada de Maicon na vaga de Michel e o ingresso de Fernandinho ou Everton no lugar de Luan.


Luan marca, Grêmio segura pressão do Fla na Ilha do Urubu e retoma vice-liderança

14 de julho de 2017

23486463

O Grêmio entrou em campo na noite desta quinta-feira para encarar o Flamengo, na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro. Venceu a partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, pelo placar de 1 a 0.

Esperava-se um jogo disputado, difícil e equilibrado – e foi isso o que aconteceu. Os rubro-negros levaram perigo nos minutos iniciais, mas o Tricolor conseguiu segurar, controlou o seu meio de campo e, quando teve a posse de bola, chegou ao ataque. Mesmo com poucas finalizações, aos 25 minutos da primeira etapa abriu o marcador. A jogada iniciou com Luan, que passou por Márcio Araújo e Cuéllar, e acionou Barrios. A bola rebateu na zaga e voltou para o camisa 7, que chutou rasteiro, mandando para o fundo das redes.

Já no segundo tempo, o Flamengo começou pressionando, mas os gremistas seguraram o placar. Se fecharam e apostaram em jogadas de contra-ataque. Renato tirou Lucas Barrios, Arthur e Luan, para colocar Everton, Jailson e Rafael Thyere, respectivamente.

Com a vitória, o Grêmio volta para a vice-liderança, com 25 pontos, atrás apenas do Corinthians.

Escalação: Leo, Edilson, Geromel, Kannemann, Bruno Cortez, Michel, Arthur, Ramiro, Luan, Fernandinho e Lucas Barrios.

Banco: Bruno Grassi, Bruno Rodrigo, Rafael Thyere, Leonardo Gomes, Marcelo Oliveira, Jailson, Kaio, Lincoln, Dionathã e Everton.

O trio de arbitragem foi comandado por Marcelo Aparecido R de Souza, auxiliado por Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo.


Grohe e Pedro Rocha devem voltar ao time do Grêmio na quinta

11 de julho de 2017

GROHE-AG-IND

Renato deve ganhar duas novas opções de escalação para o jogo da próxima quinta-feira, no Rio de Janeiro.

Ausências na derrota para o Avaí na Arena, Marcelo Grohe e Pedro Rocha devem voltar ao time contra o Flamengo.

Grohe levou sete pontos no joelho esquerdo devido ao corte sofrido no jogo com o Godoy Cruz, na Argentina, e Pedro Rocha não jogou nesse final de semana por apresentar desgaste físico.

Os dois devem voltar aos treinos habituais durante a semana e ficarem à disposição de Renato.

O Grêmio, com a derrota desse domingo, somou seu terceiro insucesso seguido no Brasileiro e, na tabela, se distanciou 10 pontos do líder Corinthians, que tem 32.


Pedro Rocha desperta interesse de clubes da Europa

7 de julho de 2017

PEDRO-ROCHA-09-NOV

Pelas atuações no final do ano passado e também nesses primeiros seis meses de 2017, o atacante Pedro Rocha está despertando interesse de clubes europeus.

Diante disso, uma proposta pode ser formalizada pelo jogador gremista nos próximo dias. O maior interessado, nesse momento, seria o Sevilla, da Espanha, que estaria acenando com uma proposta de aproximadamente 5 milhões de euros.

Como o clube gaúcho detém 70% dos direitos econômicos do atleta, a direção tricolor não aceitaria negociar Pedro Rocha por uma valor menor que 10 milhões de euros.

Luan, Artur, Bolaños e Ramiro são outros atleta do atual elenco do Grêmio que estão se destacando em 2017 e que podem receber ofertas de times europeus. LS


Na raça! Grêmio é letal, derrota Godoy Cruz fora e larga em vantagem na Libertadores

5 de julho de 2017

A noite de terça-feira foi dedicada a Libertadores da América. E o Grêmio, como se esperava, entrou com raça e muita vontade de vencer a equipe do Godoy Cruz, na primeira partida da fase das oitavas de final da competição, realizada no estádio Malvinas Argentinas, em Mendoza-ARG.

E entrando para a história com o gol mais rápido da competição. Aos 44 segundos de bola rolando, o Tricolor foi matador. Depois de uma cobrança de falta de Kannemann feita do campo de defesa, Barrios desviou de cabeça e deixou Pedro Rocha bem colocado, na área. O atacante cruzou na área para Ramiro abrir o marcador. A partir daí, a bola não saiu dos pés gremistas, que criaram mais oportunidades, como a cobrança de falta de Edilson, que colocou a bola na trave argentina. Por parte dos donos da casa, um jogo cheio de infrações e faltas fortes, mas que não mudou o resultado do primeiro tempo.

Já a etapa complementar não foi fácil. O Godoy Cruz adiantou sua marcação e deu trabalho para o time gremista, mas não o suficiente para empatar o jogo.

Quanto as alterações, Renato tirou Pedro Rocha, Lucas Barrios e Arthur, para colocar Everton, Fernandinho e Jailson.

Com a vitória, o Grêmio tem vantagem para o segundo jogo das oitavas, que ocorre na Arena, no dia 9 de agosto.

Escalação: Marcelo Grohe, Edilson, Geromel, Kannemann, Bruno Cortez, Michel, Arthur, Ramiro, Luan, Pedro Rocha e Lucas Barrios.

Banco: Leo, Rafael Thyere, Marcelo Oliveira, Jailson, Miller Bolaños, Fernandinho e Everton.

O trio de arbitragem peruano foi comandado por Victor Carrillo, auxiliado por Jonny Bossio e Coty Carrera.


Já na Argentina, Grêmio terá retorno de jogadores contra o Godoy Cruz

4 de julho de 2017

Gremio

O Grêmio já está na Argentina para seu duelo com o Godoy Cruz, na terça, pelas oitavas de final da Libertdores. O clube gaúcho desembarcou no fim da tarde deste domingo em Mendoza reforçado com Marcelo Oliveira e Bolaños, mas sem Maicon, Léo Moura e Gastón Fernández. Os titulares, preservados no Brasileirão, estão com a escalação encaminhada.

A delegação gremista terá Bolaños e Marcelo Oliveira. Ambos participaram da derrota para o Palmeiras, em São Paulo, pelo Brasileirão, recuperados de lesão. Antigos titulares, ficam como opção no banco de reservas para Renato Portaluppi. No total, 24 atletas viajaram para Mendoza com o técnico gremista, embora só 18 possam ser utilizados na partida por conta das regras da Conmebol.

Os jogadores fizeram um trabalho no CT Luiz Carvalho bem cedo na manhã deste domingo. Depois, viajaram até Buenos Aires, onde fizeram conexão para Mendoza. O voo de volta sai na manhã posterior ao jogo, com mesmo itinerário. As ausências ficarão por conta de Maicon, Léo Moura e Gastón Fernández. O primeiro está com tendinite no tendão de Aquiles de um dos pés (não informado), enquanto o lateral está recuperado de lesão muscular, treina normalmente, mas ainda não foi relacionado por Renato por cautela. Já o argentino está envolvido também em uma tentativa do Estudiantes de contratá-lo. O Grêmio só aceita liberá-lo se receber uma compensação financeira.


Rumo à semi! Grêmio atropela Atlético-PR na Arena e encaminha classificação na Copa do Brasil

29 de junho de 2017

E o Grêmio segue a sua caminhada na conquista pelo hexa da Copa do Brasil. Enfrentando pela segunda vez neste ano o Atlético-PR, o Tricolor mostrou que está firme na busca pelo seu objetivo. Venceu a equipe paranaense pelo placar de 4 a 0 e viaja a Curitiba com uma boa vantagem para o segundo jogo, com a classificação encaminhada para a semifinal da competição.

Os 45 minutos iniciais foram de superioridade gremista, que não tirou a bola dos pés. Pressionou e criou jogadas individuais e principalmente coletivas. Resultado disso foi o primeiro gol aos 22 minutos, assinalado por Lucas Barrios. Pedro Rocha passou pela marcação na esquerda e acionou o paraguaio, que recebeu e mandou uma bomba, sem nenhuma chance de defesa de Weverton. Aos 29′, o camisa 18 marcou o segundo, estufando as redes da meta paranaense. E a superioridade gremista foi confirmada com o terceiro gol, aos 32′. Luan cobrou um escanteio da esquerda e, na disputa pelo alto com Nikão, Kannemann levou a melhor, marcando de cabeça.

A segunda etapa não foi nada diferente. Total domínio gremista, que ainda mandou uma bola na trave com Ramiro. O Atlético teve Nikão expulso, por duas faltas graves.
A partir da metade do etapa complementar, as substituições começaram a ser feitas pelo técnico Renato Portaluppi – Pedro Rocha, Arthur e Barrios saíram para a entrada de Fernandinho, Lincoln e Everton. E o jogo seguiu na mesma intensidade. Aos 41 minutos, após desarme no campo de ataque, Fernandinho acionou Everton entrando na área. O atacante recebeu e fechou o marcador, assinando o quarto gol gremista.

Com o resultado, o Grêmio tem boa vantagem para o jogo de volta e encaminha bem a classificação para a semifinal da Copa do Brasil.

Escalação: Marcelo Grohe, Edilson, Geromel, Kannemann, Bruno Cortez, Arthur, Michel, Ramiro, Luan, Pedro Rocha e Lucas Barrios.

Banco: Bruno Grassi, Rafael Thyere, Bressan, Bruno Rodrigo, Jailson, Kaio, Lincoln, Everton e Fernandinho.

O trio de arbitragem foi comandado por Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Rodrigo F. Henrique Correa e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa.


Bolaños e Marcelo Oliveira treinam com bola, mas ainda são dúvidas no Grêmio

27 de junho de 2017

A reapresentação do Grêmio na tarde dessa segunda-feira foi marcada por um treino com bola para os atletas que não estiveram em campo no jogo de ontem diante do Corinthians, na Arena.

As novidades nesse trabalho foram as presenças de Bolaños e Marcelo Oliveira. Os dois jogadores estão em fase final de recuperação de lesões musculares e dependendo da evolução que apresentarem ao tratamento feito durante a semana podem ficar à disposição de Renato.

Para quarta-feira, contra o Atlético-PR pela Copa do Brasil, a liberação dos dois é considerada complicada. No entanto, para o final de semana, quando a equipe terá uma escalação alternativa, tanto o lateral como o atacante podem viajar até São Paulo e atuarem diante do Palmeiras pelo Brasileiro.


Ficou para domingo! Grêmio vence Coxa na Arena e empurra liderança para jogo contra o Corinthians

23 de junho de 2017

35088730060_a7ee518b5f_k

A noite desta quinta-feira foi especial para os mais de 21 mil torcedores presentes na Arena. O Grêmio teve mais uma vez uma boa atuação, com alta intensidade, o que resultou na bela vitória sobre o Coritiba, pelo placar de 2 a 0.

O primeiro tempo foi de domínio tricolor, que abriu o marcador logo aos 10 minutos, com um golaço do atacante Pedro Rocha. Depois de tabelar com Luan, o camisa 32 driblou a marcação e mandou de canhota uma bomba, indefensável.

Já a segunda etapa foi mais equilibrada, com ambas equipes chegando ao ataque. Renato providenciou as três substituições: Lucas Barrios, Pedro Rocha e Arthur, deram lugar para Everton, Lincoln e Maicon.

Aos 40 minutos, o segundo gol – outro golaço, agora dos pés de Fernandinho. No contra-golpe, o atacante começou a jogada, apertando a marcação sobre Henrique Almeida. Ele memso acionou Luan e em seguida partiu para a grande área – recebeu, carregou e mandou uma bomba, estufando as redes da meta paranaense.

Com o resultado, o Tricolor conquista 3 pontos, segue na vice-liderança, chegando a 22, apenas atrás do líder Corinthians, que está com 23 pontos.

Escalação: Marcelo Grohe, Edilson, Geromel, Rafael Thyere, Bruno Cortez, Michel, Arthur, Fernandinho, Luan, Pedro Rocha e Lucas Barrios.

Banco: Bruno Grassi, Bressan, Bruno Rodrigo, Conrado, Kaio, Jailson, Maicon, Gastón, Lincoln, Pepê, Everton e Nicolas Careca.

O trio de arbitragem foi comandado por Péricles Bassols Cortez, auxiliado por Clóvis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite.