Show

Lorde cancela show em Israel após mensagens de protesto

26 de dezembro de 2017

lorde-aovivonovayork

A cantora Lorde cancelou neste domingo (24) um show que tinha marcado em Israel em 5 de junho de 2018. Segundo o jornal “Jerusalem Post”, a neozelandesa recebeu protestos contra a apresentação.

Em nota, Lorde confirmou a decisão. “Recebi um número enorme de mensagens e cartas e tive muitas conversas com pessoas com diversos pontos de vista, e acho que a decisão correta neste momento é cancelar o show”, afirmou.

“Me orgulho de ser uma jovem cidadã bem informada, e eu tinha lido muito e buscado muitas opiniões antes de marcar um show em Tel Aviv, mas não sou tão orgulhosa para admitir que não fiz a escolha certa neste caso.”
Na última quarta-feira (20), ela respondeu a um texto publicado por um site da Nova Zelândia que pedia para que ela boicotasse Israel.

“Uma performance em Israel manda a mensagem errada. Tocar em Tel Aviv pode ser visto como um apoio à políticas do governo israelense, mesmo que você não faça qualquer comentário político da situação”, diziam as autoras, Nadia Abu-Shanab e Justine Sachs.

“Recebido! Tenho falado com muitas pessoas sobre isso e estou considerando todas as opções. Obrigado por me educar e eu estou aprendendo o tempo inteiro também”, escreveu a cantora em sua conta no Twitter.


Lady Gaga anuncia que fará temporada de shows em Las Vegas

20 de dezembro de 2017

ladygagavegas

Lady Gaga anunciou nesta terça-feira (19) que fará uma temporada de shows em Las Vegas, nos Estados Unidos.

“Os rumores são verdade. Eu terei minha própria temporada no MGM’s Park Theater”, escreveu a cantora.

“Prepare-se para um show totalmente novo!! Sempre foi um sonho da minha vida ser uma garota de Las Vegas, e eu estou muito feliz! Amo vocès Little Monsters, nós conseguimos. Me encontrem em Las Vegas”.

Em setembro passado, Gaga sofreu com problemas de saúde que a impediram de se apresentar no Rock in Rio. Ela cancelou sua vinda e foi substituída de última hora pelo Maroon 5.

A cantora precisou ser internada em um hospital por conta das severas dores causadas pela fibromialgia, uma síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura.


Katy Perry no Brasil: Show de Curitiba é transferido para Porto Alegre

14 de dezembro de 2017

katy-perry-clipe2

Mudança nos shows de Katy Perry no Brasil. A apresentação marcada para Curitiba foi transferida para Porto Alegre. A data também mudou: de 15 de março de 2018 para 14 de março.

A alteração foi publicada nesta quarta-feira (13) no perfil oficial da cantora no Twitter. Não foi dada uma justificativa clara, mas a mensagem sugere que a mudança visa “trazer mais festa para os fãs”.

De acordo com a postagem, os ingressos para os shows de Katy Perry no Brasil começam a ser vendidos na segunda-feira (18).

Com as mudanças, a turnê de 2018 de Katy Perry no Brasil fica assim:

14/3/2018: Porto Alegre (RS), na Arena do Grêmio

17/3/2018: São Paulo (SP), no Allianz Parque

18/3/2018: Rio de Janeiro (RJ), no Parque Olímpico

As apresentações fazem parte da “Witness tour” da cantora americana, na qual ela canta sucessos lançados nesse e nos seus outros quatro álbuns. Bebe Rexha faz o show de abertura.

A cantora já veio ao Brasil para fazer shows em 2011 e 2015. Nas duas vezes, a principal apresentação dela no país foi no Rock in Rio.


Eddie Vedder, do Pearl Jam, anuncia dois shows solo em São Paulo em março

12 de dezembro de 2017

Eddie Vedder, vocalista do Pearl Jam, anunciou nesta segunda-feira (11) que vai fazer dois shows solo em São Paulo. As apresentações estão marcadas para dias 28 e 29 de março, no Citibank Hall (veja o serviço abaixo).

A venda de ingressos para o público em geral começa em 19 de dezembro. Clientes Citi e Diners Club terão pré-venda exclusiva entre 16 de dezembro e 19 de dezembro. As entradas vão de R$ 180 a R$ 880.

Com o Pearl Jam, Vedder toca no Rio, em 21 de março, e no Lollapalooza 2018, que acontece também em São Paulo, em 24 de março.

Em 2014, o artista já havia feito apresentações no Brasil sem a sua banda. Na ocasião, mostrou tanto faixas de seus dois discos solo, “Into the wild” (2007) e “Ukelele songs” (2011), quanto material do Pearl Jam e covers (entre eles, versões para músicas de Neil Young e Ramones).

Os shows de Vedder, que completa 53 anos neste mês de dezembro, são intimistas e descontraídos.

Com estilo “banquinho e violão”, o músico faz piadas frequentes e se mostra mais relaxado que no começo da carreira, na década de 1990, quando o grunge estourou.

A abertura vai ser novamente do irlandês Glen Hansard. Ele é conhecido por estrelar o filme “Apenas uma vez” (2006). Também assinou a trilha do longa, que tem a música “Falling slowly”, ganhadora do Oscar de melhor canção original.

Eddie Vedder em São Paulo

Quando: 28 e 29 de março
Onde: Citibank Hall (Av. das Nações Unidas, 17.955, Santo Amaro)
Horário: Glen Hansard (20h30) e Eddie Vedder (21h30)
Duração: aproximadamente 1 hora e 40 minutos
Capacidade: 4.171 lugares
Ingressos: R$180 (plateia superior); R$ 300 (plateia superior III); R$ 350 (plateia superior I e plateia superior II); R$ 600 (poltrona II); R$ 720 (cadeira II e poltrona I); R$ 820 (cadeira I); R$ 850 (camarote II); e R$ 880(camarote I e cadeira VIP)
Início das vendas: clientes Citi e Diners Club terão pré-venda exclusiva entre 16 de dezembro (ao meio-dia) e 19 de dezembro (às 8h), com desconto de 15% e limitado a oito ingressos por cartão; para o público em geral, a venda começa às 10h de 19 de novembro
Bilheteria oficial (sem taxa de conveniência): Citibank Hall (Av. das Nações Unidas, 17.955, Santo Amaro), de terça-feira a sábado, das 12h às 20h, e domingos e feriados, das 13h às 20h
Locais de venda (com taxa de conveniência): clique aqui para ver os pontos de venda
Vendas pela internet: no site da Tickes For Fun


Britânico é declarado culpado por planejar ataque terrorista a show de Justin Bieber

29 de novembro de 2017

justin_bieber_sp_g1_fmoraes_0287

Um britânico branco de 17 anos foi julgado culpado de planejar um ataque terrorista inspirado no Estado Islâmico no País de Gales. Ele havia pesquisado a segurança nos arredores do local do show de Justin Bieber na cidade de Cardiff e foi preso em 30 de julho, dia da apresentação do cantor.

O nome do jovem não foi relevado pro causa de sua idade. Ao ser detido em sua casa, a polícia encontrou em sua mochila um martelo, uma faca e uma carta.

“Sou um soldado do Estado Islâmico. Ataquei Cardiff hoje porque seu governo continua bombardeando alvo na Síria e no Iraque. Haverá mais ataques no futuro”, dizia o bilhete.

O garoto ainda tinha escrito anotações sobre o ataque, como “atropelar os descrentes com um carro” e “ataque os infiéis que se opõem a Alá no pescoço”.

Ele foi declarado culpado de uma acusação de preparação de um ato terrorista, duas acusações de encorajar terrorismo, e outras duas de possuir informações terroristas. O tempo da sentença será determinada no dia 10 de janeiro de 2018.

O jovem negou as acusações. “Queria ver quão fácil era para pessoas que tinham interesse em terrorismo conseguirem informações oline, porque a polícia e o governo estão tentando derrubar o terrorismo e a radicalização. Queria ver se era possível, não pra mim, mas do ponto de vista de outra pessoa”, ele disse durante o julgamento.


Bruno Mars leva a SP pista de dança que vai da ‘sarrada’ ao romântico

23 de novembro de 2017

Bruno Mars é uma fábrica de hits dos anos 2010, mas provou mais uma vez na noite de quarta-feira (22), em seu retorno a São Paulo após cinco anos, que seu talento não é só na produção. Ele volta a se apresentar no Estádio do Morumbi na quinta (23).

Quase sempre cercado pelos parças da banda The Hooligans, que também cantam, tocam e dançam, Bruno Mars rege uma pista de dança pop-rock-funk-boogie-night que vai da “sarrada” ao romântico sem perder o fôlego.

O cara mostra voz pra atingir as notas mais agudas, solta o quadril nos (muitos) passinhos sensuais à lá Michael Jackson e faz até solo de guitarra. Rola ainda um momento atuação na fossa “Calling All My Lovelies”, quando puxa do bolso um telefone tijolo dourado e adapta a letra que diz “posso ter várias, mas sofro por você” para um português esperto “Eu quero você gatinha”.

Com Bruno Mars, dá pra cair na pista, soltar a franga, colar o rostinho e armar pro beijo em questão de minutos. O cara é bom.

Fábrica de sucessos

O repertório da turnê atual combina hits lançados desde 2010, que já passaram a casa da dezena, ao álbum “24K Magic”, de 2016. E a primeira apresentação em SP seguiu o roteiro internacional e não teve parcerias como “Billionaire” e “Nothin’ On You”, que ajudaram a lançar Bruno Mars à fama. Mas o povo nem notou.

O show de cerca de 1h30 começa explosivo com o trio “Finesse”, “24K Magic” e “Treasure”, com direito a chamas e fogos no ritmo da música. Em “When I Was Your Man”, a banda descansa, Mars fica sozinho no palco e rola o momento mais retrospectivo da balada. Mas logo em seguida o refrão extremamente chiclete de “Locked Out of Heaven” reinjeta ânimo e promove até um mini-bate cabeça no meio da pista – ou um pula-pula de festa de formatura, depende do ângulo.

“Uptown Funk” pinta no bis e mostra que, apesar de tocada à exaustão lá em 2015, faz o público esquecer da moda do “reggaeton” e tirar o pé do chão (ouça isso na voz de Rogério Flausino) com uma canção que é puro groove. A parceria com o produtor Mark Ronson, de fato, transcende a sua época.

O bonde não para, no entanto. Quem pulou o álbum novo de Bruno Mars mesmo assim deve conhecer ao menos duas faixas, a própria “24K Magic” e “That’s What I Like”, ambas com videoclipe. E há potencial para mais um par de sucessos, pelo menos.

Na suingada “Chunky”, a que mais deixa nítida a influência do clima “Off the Wall” de Michael Jackson no novo trabalho, Bruno Mars pede: “Quem tem bunda grande levanta a mão”. E você pensa que o público, além de cantar junto e entender muito bem a saliência do rapaz, faz o quê?

Já “Versace On The Floor” caminha pelo lado romântico do R&B dos anos 1980, com aquele teclado de Antena 1 e o ritmo pra dançar com um passinho pra lá e outro pra cá. Também lembra o rei do pop, mas na veia de “I Just Can’t Stop Loving You”, de “Bad”. O apelo retrô é forte, só que a música ganhou remix de David Guetta e pode pintar nas paradas mais dançantes.

Pequeno gigante

Há um pedido por gritos antes do show começar e a plateia é obediente do começo ao fim. Mas nem precisava. As dancinhas libidinosas, piscadinhas e “sarradas” arrancam o volume do público, mas não são desnecessariamente sensuais a ponto de cansar, se combinando com equilíbrio aos momentos de entrosamento e parceria de Bruno Mars com a sua banda.

Isso somado ao carisma do cara, seu faro para criar melodias que ficam na cabeça, o vozeirão inegável e à banda afiada, fazem da apresentação uma dose direta de puro entretenimento. Fica fácil entender como Mars levou prêmios de artista do ano, clipe, cantor pop rock e R&B, álbum pop rock e R&B e música R&B no American Music Awards 2017.

É tudo nosso com Bruno Mars, na dança ou no romance. Ou melhor, tudo dele. E apesar de ainda parecer incomodado com sua altura, se posicionando entre os parças mais baixos dos Hooligans nas coreografias e escolhendo enquadramentos nos videoclipes, o rapaz precisa sossegar. Bruno Mars, tu já provou que tamanho não é documento.

2º show de Bruno Mars em São Paulo

Quando: Quinta-feira (23), às 21h45

Abertura dos portões: 16h
Onde: Estádio do Morumbi – Praça Roberto Gomes Pedrosa, Morumbi
Ingressos: Arquibancada A e B (R$ 260), Arquibancada C (R$ 240), Pista (R$ 340), Pista Premium (R$ 680,00), Cadeira inferior A e B (R$ 440), Cadeira coberta A, B e C (R$ 540), Cadeira coberta Premium (R$ 540), Camarote (R$ 540) – alguns setores estão esgotados em ambos os dias


Pearl Jam anuncia show no Rio em março de 2018

14 de novembro de 2017

pearljam

Pearl Jam anunciou uma segunda apresentação no Brasil em 2018. A banda, que integra a lista de atrações do Lollapalooza 2018 – festival que acontece em São Paulo de 23 a 25 de março –, fará também um show no Rio de Janeiro.

A apresentação será no dia 21 de março, no Estádio do Maracanã, e o show de abertura ficará por conta dos britânicos do Royal Blood. Os ingressos variam de R$ 110 (referente a meia-entrada de cadeira superior/sul) até R$ 700 (Pista Premium Elo)

A pré-venda de ingressos começa nos dias 7 e 8 de novembro para quem faz parte do fã-clube oficial do Pearl Jam. Já os clientes Cartão Elo poderão entrar na pré-venda nos dias 8 e 9 de novembro.

A abertura das vendas para o público geral está marcada para as 8h do dia 10 de novembro, pela internet. Os ingressos também estarão disponíveis a partir das 12h na bilheteria oficial e nos pontos de venda.

A cada ingresso vendido, R$ 9 serão revertidos para a Fundação Vitalogy, uma instituição de caridade pública dos Estados Unidos que tem seu trabalho voltado para os campos da saúde comunitária, do meio ambiente, das artes, da educação e da mudança social.

A apresentação do Pearl Jam durante o Lollapalooza 2018 está marcada para o dia 24 de março.


Coldplay no Brasil: Ingressos, setlist e tudo o que você precisa saber sobre os shows

7 de novembro de 2017

É algo raro, mas vai acontecer. O Coldplay começou a turnê do disco “A Head Full Of Dreams” no Brasil, no fim do ano passado. E vai encerrar também por aqui, a partir desta terça-feira (7). Veja abaixo tudo o que você precisa saber.

Onde serão os shows? Há ingressos?

A banda toca em São Paulo nesta terça e na quarta; e em Porto Alegre no sábado (11), em sua estreia na cidade. Os ingressos estão esgotados, mas é bom ficar de olho no site de vendas, porque muitas vezes aparecem ingressos de última hora.

Quem fará os shows de abertura?

No primeiro dia em São Paulo, a abertura fica por conta da cantora carioca Iza. No segundo dia, quem abre é a inglesa Dua Lipa. Ela também abre o show em Porto Alegre. Dua Lipa tem 22 anos e um disco lançado, em junho deste ano. O repertório vai pelo pop dançante, com músicas como “Hotter than Hell”, “Blow your mind” e “New Rules”.

Como saber que o show está prestes a começar?

Tudo começa ao som de ópera. Quando tocar “O mio babbino caro”, é bom se preparar. Logo depois da música da soprano grega Maria Callas, a banda aparece no palco.
O Coldplay aceita pedidos da plateia?

A última música do set acústico, logo antes do bis, sempre muda. É quando Chris Martin dá atenção aos gritos dos fãs e escolhe a que ele julga ser a mais pedida.

Nos últimos shows desta turnê, rolaram:

“Green Eyes”
“O”
“Us Against the World”
“Trouble”
“Til Kingdom come”

Qual é o provável setlist?

Veja set segundo a média das músicas tocadas na turnê, feito pelo site Setlist.fm:

“A Head Full of Dreams”
“Yellow”
“Every Teardrop Is a Waterfall”
“The Scientist”
“Birds”
“God Put a Smile Upon Your Face”
“Paradise”
“Always in My Head”
“Magic”
“Everglow”
“Clocks”
“Midnight”
“Charlie Brown”
“Hymn for the Weekend”
“Fix You”
“Viva la Vida”
“Adventure of a Lifetime”
“Kaleidoscope”
“In My Place”
“Don’t Panic”
“Us Against the World”
“Something Just Like This”
“A Sky Full of Stars”
“Up & Up”

Como foi o último show em São Paulo?

O último show em São Paulo teve pedido de casamento e coro de 45 mil fãs. Eles se esbaldaram por cerca de duas horas, entre pulseiras que piscavam em sincronia com as músicas e tempestades de estrelinhas recortadas. Leia como foi o show.

Coldplay no Brasil
São Paulo

Quando: Terça (7) e quarta-feira, às 21h
Abertura dos portões: 17h
Onde: Allianz Parque – Francisco Matarazzo, 1705 – Água Branca
Ingressos: Pista Premium (R$ 750), Pista Comum (R$ 380), Cadeira Inferior (R$ 510) e Cadeira Superior (R$ 240)

Porto Alegre

Quando: Sábado (11), às 21h
Abertura dos portões: 17h
Onde: Arena do Grêmio – Av. Padre Leopoldo Brentano, 110 – Humaitá
Ingressos: Pista Premium (R$ 800), Pista Comum (R$ 500), Cadeira Inferior (R$ 520), Cadeira Superior (R$ 320), Cadeira Gold (R$ 480) e Camarote (R$ 780)


Ozzy Osbourne anuncia turnê de despedida com shows no Brasil

7 de novembro de 2017

ozzy5

Ozzy Osbourne anunciou nesta segunda-feira (6) que iniciará no ano que vem sua última turnê mundial. Ela inclui quatro shows no Brasil em maio de 2018.

“As pessoas continuam me perguntando quando vou me aposentar”, disse o vocalista do Black Sabbath, de 68 anos, em comunicado publicado em suas páginas oficiais. “Esta será a minha última turnê mundial, mas não posso dizer que não vou fazer shows aqui e ali.”

As datas das apresentações brasileiras já estão no site oficial de Ozzy. Ele passará por São Paulo (13/5), Curitiba (16/5), Belo Horizonte (18/5) e Rio de Janeiro (20/5). Mais detalhes sobre os shows não foram divulgados, assim como informações sobre venda de ingressos.

A turnê começará no México e também passará por Chile e Argentina antes de seguir para a Europa e América do Norte. A previsão é que a turnê dure até 2020.

A despedida de Osbourne é anunciada nove meses após o próprio Black Sabbath concluir em fevereiro deste ano sua série final de shows, “The end”, em Birmingham, na Inglaterra.


Simaria sofre indisposição, e Simone sobe ao palco sozinha no Paraná

24 de outubro de 2017

dsc8175

Cantora Simone, da dupla Simone e Simaria, subiu ao palco sozinha na noite deste sábado (21), depois que Simaria sofreu uma indisposição. A apresentação da dupla faz parte da programação do festival Villa Mix, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

A assessoria das artistas informou que Simaria se sentiu mal pouco antes de subir ao palco e ficou no camarim. No domingo (22), a dupla disse, em postagem nas redes sociais, que a cantora sofreu uma “infecção alimentar”.

A programação do evento conta com a passagens de outros artistas pelo palco principal, como Luan Santana, Matheus e Kauan, Jorge e Mateus e DJ Alok.